Unicamp Diretoria Acadêmica

Solicitação de Vaga para refugiados Imprimir

Indivíduos que tenham obtido o status de Refugiados, devidamente reconhecidos pelo Conare, podem solicitar uma vaga para estudo na Unicamp, desde que apresentem todos os documentos exigidos abaixo: 

1 - A Certidão de Reconhecimento do status de Refúgio pode ser solicitada pelo interessado no email certidao.conare@mj.gov.br

* Instrução provisória aprovada pelo  GT-Cátedra Sergio Vieira de Mello  em reunião presidida pelo Reitor em  24/04/2018 a ser regulamentada por  Resolução.

Os documentos podem ser entregues presencialmente no Atendimento da DAC ou enviar para o  e-mail dacestra@unicamp.br

Atenção: Não será permitido dar entrada na solicitação de vaga apenas com o protocolo de solicitação de visto de refúgio, devendo o requerente aguardar até a conclusão de sua solicitação pelo Conare. 

Importante: Conforme deliberado em reunião do GT-Cátedra presidida pela Profa. Dra. Rosana Baeninger e com a presença do Magnífico Reitor, Prof Dr. Marcelo Knobel, em 24 de Abril de 2018, não será aceita solicitação de vaga apresentada por refugiado que tenha concluído algum nível de ensino no Brasil. Sendo assim, não serão protocoladas solicitações de candidatos que tenham cursado Ensino Médio, Graduação ou Mestrado no Brasil. 

Após  a solicitação ser protocolada no Atendimento da DAC, a documentação entregue será analisada por uma Comissão de Avaliação instituída pelo  Gabinete do Reitor e publicada no Diário Oficial do Estado de São Paulo (DOESP). Em caso de deferimento (aceitação) da solicitação, a  DAC entrará em contato com o requerente para informar sobre os  procedimentos da matrícula. 

Ressaltamos que não existem vagas garantidas para pessoas com status de Refúgio. A concessão da vaga dependerá da análise da documentação entregue pela Comissão instituída e do limite máximo de estudantes que cada curso permite.

Para informações sobre Cátedra Sergio Vieira de Mello, acesse o link: http://www.nepo.unicamp.br/catedra/index.html

Documentos que são aceitos para comprovação do status de Refugiado: 



Carteira de Registro Nacional Migratório – CRNM, antiga CIE – Carteira de Identidade Estrangeira,  de acordo com a Nova Lei de Migração, Decreto nº 9.199 de 20 de Novembro de 2017. 






Compartilhar: